...Entre outras coisas... escolhas...


Os dias têm sido corridos. Mudanças de rotinas e muito trabalho.

Mimão na escola: tudo ok. Ele adora a escola, os colegas, a professora e tem-se mostrado muito entusiasmado com as novas aprendizagens. A mãe adora a escola, pequena, ambiente familiar, óptimas instalações. E sinto o meu pequeno feliz e cuidado, e isso é suficiente, conforta-me.
Julu começou também aos pouquinhos a fazer integração no infantário, 3/4 dias por semana, das 9 e meia às 15 e meia. Custa... sinto-me ainda muito reticente neste campo, muito insegura e com algum sentimento de culpa...

Comecei a trabalhar novamente 3 dias por semana nos jardins: Planear (como já fazia antes a partir de casa durante a gravidez e primeiros meses após) e agora também a cuidar, no terreno. Sendo esse o motivo que me levou a decidir-me por esta separação forçada por algumas horas por dia.


Prepara-mo-nos para fazer vindimas e vinho esta semana. A primeira experiência... vamos ver como corre! Espero ter relatos e fotos nos próximos dias!

Um bom domingo e... vamos lá a votos?

«Tomem partidos. A neutralidade ajuda o opressor, nunca a vitima, O silencio encoraja o atormentador e nunca o atormentado!»

Elie Wiesel

casa varrida

A casinha da quinta está "limpa".
Tralhas lá fora. Tudo varrido.
Espreitem lá o 1º piso.









os últimos das férias


Amanhã o Si inicia a vida escolar, propriamente dita.

Não consigo esconder que tenho "borboletas no estômago", como se o primeiro dia de aulas fosse meu. É um nó que penso só conseguir desatar depois do dia de amanhã (espero) com a certeza de que tudo correrá bem.
Pelo menos os coleguinhas serão quase todos os mesmo do jardim-escola.
A professora que já conheci na reunião, pareceu-me ter boa energia... "penso que" gostei da senhora!
A escola é... sem dúvida um novo mundo! Pelo tamanho, pela quantidade de gente, pela hora da refeição - diferente pela já grande autonomia que exige (com tabuleiros de louça a serem carregados refeitório fora pelos piolhos de apenas 6 anos!)...

Enfim!... Ando cá com este bicharoco/monstro de 1001 cabeças... que são com certeza só mesmo coisas de mãe. Isto é novidade para mim também.
Ele???
Está porreiro da vida! Nem ansioso, nem receoso!
Pudesse isso acalmar-me a mim, que tenho estado assim com tudo isto e mais alguma coisa.
(Ainda tenho esperança de conseguir não chorar amanhã!)

...

Nos últimos dias fizemos coisas cá em casa, finalmente! Não, ainda não está tudo no seu devido lugar, mas, o essencial ficou feito. Mudamos o quarto do Si, para outra divisão mais espaçosa no andar de baixo. Isto tem um grande "contra" que é o de ficar mais longe de nós durante a noite (que temos o quarto no andar de cima), mas tem o grande "Pró" de ser realmente mais espaçoso, e pudemos assim preparar o seu cantinho de trabalho e espaço de brincadeira que pode ser partilhado mais facilmente com o maninho julu, que facilmnte circula por aqui no andar de baixo e raramente, pelo andar de cima. Essa divisão era a minha "sala de trabalho", onde imperava a confusão... Toda a tralha está agora amontoada no antigo quarto de Si, e espera por dias de paciência para a devida organização.

...

Hoje o dia foi para aproveitar o derradeiro dia des férias do pequeno.
Tarde passada no maravilhoso Vale do Rossim. Aqui tão perto. Com direito a passeio na serra, escalada nas rochas...















(desabafo)

Antes do inicio das aulas quero fazer coisas cá por casa (preciso mesmo de).
Coisas me facilitarão o dia (espero). Tenho urgência em organizar-me, organizar a casa. Desde o nascimento do Joel que as coisas têm sido mais "relaxadas" nesse sentido, que é como quem diz, caóticas. Também a mudança de casa em janeiro para uma casa de dois andares não facilitou muito a coisa. É mais difícil arrumar e manter, isto porque tenho de fazê-lo sem qualquer tipo de ajuda. Especialmente no que toca a roupa, que duplicou com mais um habitante na casa... E são os brinquedos espalhados na casa toda, nos quartos, na sala, na cozinha. E na minha "sala de trabalho" onde já não entro porque se tornou na sala onde pára toda a tralha e mais alguma (em jeito de "esconder")... Enfim vou parar de enumerar mas não assustar possíveis visitas!... Digo para mim sempre, «é hoje», mas os dias têm passado e eu apenas consigo "scratch the surface" do problema! ...HELP!!!!

Setembro

em Paredes de Coura
É verdade que ainda sabe a verão...
Que o calor nos deixar de rastos... e não digo não a mais umas banhocas de rio...
Que a serra cheira a terra queimada - mas isso são outras histórias de sabor amargo e tom triste...
Que esta noite houve tempestade de verão, com raios e trovões tão fortes que fizeram a casa tremer... (ou assim pareceu).
Pois é, sabe a verão ainda, mas entramos em Setembro. E Setembro para mim é mês de recomeço, de Ano Novo.
Agosto chega ao fim e com ele a entrada nos meus 31. Duplo ano novo, portanto!
Tempo de arrumar gavetas, prateleiras... e, a vida!

Este mês, este ano, entramos numa nova realidade. Simão na escola primária.

os 12 bebés

Temos bebé novo! Nasceu a princesa Núria, minha sobrinha. Estamos radiantes com mais este pequenino ser na nossa família.
O 12º descendente dos meus pais:
Somos 6 filhos, 6 netos.
Seis meninos, Seis meninas.
Eu fui a 3a bebé.